8 de julho de 2009

Segredo...



Como podia esquecer-me de ti?
Longas horas espero pra estar contigo
Antes morrer e ficar mesmo ali
Xeque-mate farias tu comigo...

Insistentemente te peço aqui,
Nunca conheças tu um outro amigo
Homem morto era eu pra teu castigo
Amanhã saberias que morri.

Bom tempo passarias a chorar
Onde curarias essa ferida?
Não poderia ela cicatrizar...

Isso era sofrer minha querida
Terias que viver a recordar
Apenas acabei com minha vida!

ASS: Diferente

6 Comentários:

Blogger Graça Pereira disse...

Segredo de amor
é uma tortura...
Esconde tanta dor
envolto em ternura!
Lindo este segredo de amor, como acontece com tudo que está espelhado neste sentimento grandioso. Bj Graça.

8 de julho de 2009 às 16:45  
Blogger Quase nos 50 disse...

Quem ama assim não precisa de pensar na morte porque é um ser que adora a vida.
Um abraço

8 de julho de 2009 às 21:48  
Blogger Francisco Vieira disse...

Muito bonito e menos sofrido :-)
Tomara que seja para durar, meu amigo

Um abraço

10 de julho de 2009 às 22:10  
Blogger Sonia Schmorantz disse...

Segredos de amor, que quando não cabem mais no peito, se transformam em lindo poema...
abraço e um ótimo final de semana

11 de julho de 2009 às 06:23  
Blogger Tobias disse...

gostava de perceber melhor a poesia , mas muitas vezes, fico , sem saber o que dizer, por nao a perceber bem , por nao sentir bem o que a pessoa quer passar.. mas algumas, das poesias deste blog, gosto bastante, e consigo sentir , o que tenta passar..

28 de julho de 2009 às 01:37  
Blogger Zilda Santiago disse...

Parabéns pelo blog e pelas postagens!!!!!!!!!!!!

15 de agosto de 2009 às 19:37  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial