12 de maio de 2009

Oração Diferente


Espero sempre porquê, diz lá ó Deus!
Quando vais tu mudar a minha História?
Apaga as imagens dos olhos meus
Para que alguém reze em minha memória.

Minha vida está escrita em livros teus,
Seca de vez a minha alma em tua glória
Faz-me desaparecer como os filisteus
Dá-me o escuro e será minha vitória!

Porque sou eu um ser tão errante?
Faz com que nasça de novo normal!
Depois serei teu peregrino andante...

Não tornes tu meu caminho imortal
Pois isto que quero é-me tão distante...
Transforma-me tu num ser mais banal!

ASS: Diferente

9 Comentários:

Blogger Daniel Silva (Lobinho) disse...

Se Deus te ouvir, faz minha a tua oração...

Abraço grande

Lobinho

12 de maio de 2009 às 21:50  
Blogger Quase nos 50 disse...

A natureza humana é errante: vamos errando de paixão em paixão, de local para local, de livro em livro mas apenas não podemos errar de vida em vida porque somos seres mortais.
Um abraço

12 de maio de 2009 às 22:17  
Blogger AP disse...

Foge foge bandido, boa dica :) Já andei para aqui a sacar as músicas lol

Obrigada ^^

12 de maio de 2009 às 22:21  
Blogger Francisco Vieira disse...

Quem dera que assim fosse...

Um abraco

13 de maio de 2009 às 16:35  
Blogger Rabisco disse...

Porque por vezes torna-se demasiado dificil sermos nós próprios...
Partilho contigo essa sensação!

Abraço

13 de maio de 2009 às 21:05  
Blogger Paco Bailac disse...

Mi vida está escrito en tus libros.... Feliz poema nos has dejado... te ofresco un abrazo cordial.
Honestidad
pacobailacoach.blogspot.com

14 de maio de 2009 às 11:10  
Blogger AP disse...

Este inquérito aqui do lado deu-me a volta a cabeça com tanto "penso" , mas coiso e tal não é!

14 de maio de 2009 às 20:10  
Blogger Sonia Schmorantz disse...

Uma oração não só diferente como muito boa também!
Um abraço e um ótimo final de semana

16 de maio de 2009 às 06:23  
Anonymous dilailasilvex disse...

DO DRAMÁTICO... AO IRONICO...BOA ESCOLHA DE EXPREÇÃO.

PARABENS LY

22 de junho de 2009 às 18:06  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial