4 de maio de 2009

sonhar o amor...


Sonhei em partir um dia contigo
Para onde ir não era importante
Precisava enfim do teu ombro amigo
Abandonar tudo, ir para o distante!

Viver submissos ao amor errante
Procuramos juntos um pequeno abrigo
Juro sempre ser teu fiel amante
Proteger-te-ei de qualquer castigo!

Quão bom seria viver este amor,
Levaremos nós o barco a bom porto?
Não encalhe ele em qualquer mar morto!

Se algo acontecer e der para o torto
Não me abandones peço por favor…
Teria que viver esta triste dor…

ASS: Diferente

4 Comentários:

Blogger Rabisco disse...

E queremos sempre acreditar que o barco andará contra tudo e todos...
Que nunca ficará parado e, aquilo que nunca as palavras serão capazes de explicar, ficará para sempre a alentar uma grande e boa viagem...

Há que ter esperança e coragem de viajar!

Abraço

4 de maio de 2009 às 19:53  
Blogger Daniel Silva (Lobinho) disse...

É interessante a ideia que passas de Sonhar o Amor.

Sim. É importante sonhar o amor... para se partir mais forte nas águas da vida...

abraço

5 de maio de 2009 às 04:13  
Blogger Francisco Vieira disse...

Esse tipo de Amor que nos enfraquece e nos obriga quase a implorar, assusta-me...
Sera que nao merecemos Amar inpunemente?

Um abraco

5 de maio de 2009 às 16:34  
Blogger Quase nos 50 disse...

Mesmo diferente!
Este pequeno poema fez-me lembrar um apaixonado que tive que queria ir comigo para uma ilha no Pacífico......a paixão era tão grande que o mais longe que fomos foi a Oeiras e ao fim de umas 7-8 semanas "mudou de ideias" ;-))
Gostei do blog e vou começar a vir aqui!
Um abraço

5 de maio de 2009 às 22:53  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial